top of page

Quem são os favoritos ao título da Copa Sense CIMTB de Maratona em 2021?







A grande final da temporada 2021 da CIMTB, que acontece de 3 a 5 de dezembro, em Taubaté, vai reunir centenas de atletas de todo o país para definir os campeões da maratona na Copa Sense CIMTB. A pontuação da final no XCM dá 40 pontos aos campeões e em nenhuma categoria os campeões estão definidos.


A maratona da CIMTB Michelin é sinônimo de inclusão e oportunidade para atletas iniciantes e amadores se divertirem e entrarem no mundo das competições, com todos ganhando medalha quando completam o percurso. É um evento pensado para atrair atletas a partir de um ano de idade na Mirim, PcD, cadeirantes, ciclistas acima de 95 kg, casais e amigos formando duplas, iniciantes na categoria Turismo, aficionados por bikes como Gravel, os que querem competir mais de um dia indo na ULTRA, profissionais da segurança pública, entre outros grupos.

Veja abaixo as chances de cada um nas diversas categorias da Copa Sense CIMTB de Maratona lembrando que a Mirim e a Turismo não contam pontos:


ULTRA

A categoria ULTRA corre a maratona e o XCO somando o tempo dos dois dias de prova. Nela, o atleta não precisa ser filiado. É a porta de entrada para os ciclistas mais experientes que não estão ligados às federações estaduais. E não é tarefa fácil pois são quase 60 km no sábado e três voltas domingo no XCO.

Liderando a categoria está Pedro Bisneto, com 57 pontos seguido de perto por Jeovane Oliveira com 50 pontos. Na terceira posição, com 44 pontos, vem Bruno Gonçalves. Portanto, nada está decidido podendo ainda ter o,Thyago Souza e Givago Rosa correndo por fora na etapa final.


Duplas - Pró, Masculina e Feminina/Mista

Na categoria Dupla Pró, que corre 60 km, a liderança é de Geraldo da Silva Júnior e Francisco Souza, com 90 pontos, e muita folga depois de duas vitórias. A demais posições do campeonato estão acirradas com Jensen Mariano e Wilson Ferreira, em segundo, com 44 pontos e Jadson Soares e Thiancle Araújo com 39 pontos.

Na categoria Dupla Masculina, Sergio Furtado e Matheus Rezende estão liderando com 90 pontos, mas nada está definido pois a dupla de Flavio Moura e José dos Santos está no encalço com 70 pontos. Na terceira colocação, as duplas Leandro Souza e Marllon Melo seguem empatados com Diego Juan e Daivyson Cunha, que têm 44 pontos.

A Dupla Feminina / Mista tem liderança de Fábio Júnior e Fernanda Peixoto, que somam 84 pontos, seguidos de Isaac Franklin e Lorena Franklin, com 50 pontos e Mônica Marques e Filipe Costa com 39 pontos.


Individuais Expert, Cadete, Master, Veterano e Open Feminina

Nas categorias individuais masculinas, as disputas sempre foram muito acirradas e, em 2021, não seria diferente. Nada está definido em nenhuma delas.

Na Expert a liderança, com 62 pontos, é de Tiago Gonçalves. Caio Martins ficou apenas um ponto atrás, na segunda colocação. Ainda na briga, na terceira posição, com 50 pontos, está Vinicius Almeida.

Na Cadete, Daniel da Cruz lidera com 79 pontos, seguido por Thiago Margarida e Messias Silva, segundo e terceiro colocados, com 55 e 50 pontos respectivamente.

Na Master nada está definido, apesar do líder ter conseguido duas vitorias. Moisés Santos tem 90 pontos seguido por Bruno Dias e Alessandro Morais com 74 e 69 pontos.

Na Veterano está tudo bem embolado e as disputas prometem ser eletrizantes. Liderando com 58 pontos estão empatados Marcelo Ferreira e Osvaldo Florêncio. Colados neles estão Edivando Santos e Alexandre Oliveira com 53 e 50 pontos respectivamente.

Na Open Feminina, que busca estimular a presença das mulheres na maratona, as disputas estão também estão indefinidas até a sexta colocação, com diferença de apenas 13 pontos, entre a primeira Lais Santos com 52 e a sexta colocada Fabiana Basilio com 39 pontos. A segunda colocada Eliane Pacheco tem 50 pontos, seguida de Alexandra Sato, com 44 pontos, Aryane Castro e Jéssica Romualdo, que soma 40 pontos, nas segunda, terceira e quarta colocações, respectivamente.


PNE/Pcd e Hand Bike

Na Hand Bike o líder é Pedro “Alemão" Gomes, com duas vitórias e 90 pontos, seguido por Tarlis Vieira e Thiago Mota. Vale destacar a garra destes atletas que desafiam todas as dificuldades das trilhas de mountain bike com suas hand bikes que exigem muita garra para completar o percurso.

Na PNE/PcD tudo será decidido em Taubaté. O líder Lucas Santos tem 84 pontos, seguido por Fernando Araújo e Keyner Dias com 65 e 50 pontos. Aqui temos uma das categorias mais inclusivas onde o objetivo é dar a oportunidade aos atletas que tenham qualquer necessidade especial estar competindo de igual para igual no evento.


Gravel masculina e feminina

Na categoria masculina Gravel, quem segue na liderança é Josenildo “Xiito" Dantas, seguido por Jorge Araújo Júnior, Magnus Dias, Fernando Simioni e André Rodrigues.

A categoria feminina que estreou em Araxá, atendendo a pedidos das mulheres graveleiras, tem liderança de Raquel Gontijo com Helena Carvalho e Daniela Lima nas segunda e terceira colocações.


Peso Pesado e Segurança Pública

Na Peso Pesado, que atende atletas acima de 95 kg, nada está definido no campeonato. Quem segue líder é Vicente dos Santos Júnior, com 55 pontos, seguido de Leandro Silva, que tem 50, Lucas Landin com 44, Heitor Silva com 40 e José Antônio com 39 pontos.

Na categoria Segurança Pública quem é favorito para levar o título de 2021 é Flávio Andrade com 90 pontos depois de duas vitórias. Já a disputa pelo segundo lugar está acirrada com Hudson Pereira, Kleber Pinto, Paulo Jardini e Mateus Martins com apenas 10 pontos de diferença entre eles.


por sprinta.me





capa_bike_273_mai23.png
capa_bike_GUIA23.png
capa_dirt_332_mai23.png
bottom of page